Publicado em 26/07/2006 15:53

A Arte na Idade Antiga

Acompanhemos a continuação da série de artigos que descrevem a síntese da história da Arte.

Terceira Parte - A Arte na Idade Antiga

A arte antiga refere-se àquela desenvolvida pelas Antigas Civilizações, que se estende até a queda do Império Romano do Ocidente, em 476 depois de Cristo, acuando das invasões bárbaras. Abrangente e bem diversificada, ela nos mostra diversos fundamentos ideológicos, compostos pelas riquezas das artes egípcia, grega, romana, paleocristã, bizantina e islâmica.

 
Foi na Antiguidade que surgiram os primeiros conceitos teóricos a respeito da sistematização e estudo das artes. Para os egípcios e babilônios a arte esteve bastante associada às necessidades formais dos rituais religiosos, independente de qual forma de produção artística (pintura, escultura, arquitetura), buscava-se de alguma forma trazer para o mundo mortal os valores do mundo divino. Embora pertencentes ao mesmo período histórico, os gregos e romanos, ainda que cultivassem também esta necessidade, caminharam para uma arte com novos significados: a arte, para eles, viria a se tornar uma forma de humanismo. A arte bizantina sofreu influências de Roma, Grécia e do Oriente, mas foi também conduzida pela religião. A união de alguns elementos dessa cultura formou um estilo novo, rico tanto na técnica como na cor. A Arte islâmica, inevitavelmente, absorveu traços dos povos conquistados. De origem nômade, os muçulmanos demoraram a estabelecer sua própria identidade artística. Ao definir seu estilo conceitual e religioso, nos deixaram as belas cúpulas nas mesquitas e lindos tapetes persas.

 

Periodização

 

Seguindo uma linha cronológica, veremos agora como se manifestou as produções artísticas nas Civilizações Antigas.

 

o ARTE EGÍPCIA

 

O Egito antigo era uma civilização bastante complexa, A religião foi de fundamental importância à composição de sua organização social e política, determinando o papel de cada classe social, norteando inclusive as produções artístico-culturais.

 
Acreditavam que deuses que poderiam interferir na história humana. Em sua crença, a vida apos a morte era mais importante que a vivida no presente. Estes fatores fundamentaram toda ideologia da arte egípcia: focada na glorificação dos deuses e dos grandes faraós (divinizados e cultuados em ritos religiosos), para os quais se erguiam templos funerários antológicos.

 
Por estar focada especificamente à religião, a Arte Egípcia era bastante padronizada, não dava margem à criatividade e imaginação pessoal do artista. Desse modo, podemos dizer que os artistas egípcios foram criadores de uma arte anônima, pois a obra deveria revelar um perfeito domínio das técnicas de execução, e não do estilo individual do artista.

 

Arquitetura:

 

Ao se falar de Arquitetura Egípcia, automaticamente vem em mente As Pirâmides do deserto de Gizé - que são as obras arquitetônicas mais famosas e, foram construídas por importantes reis do Antigo Império: Quéops, Quéfren e Miquerinos.

 
As características gerais da arquitetura egípcia são:  solidez e durabilidade;  sentimento de eternidade; e aspecto misterioso e impenetrável.

 
 "As pirâmides tinham base quadrangular eram feitas com pedras que pesavam cerca de vinte toneladas e mediam dez metros de largura, além de serem admiravelmente lapidadas. A porta da frente da pirâmide voltava-se para a estrela polar, a fim de que seu influxo se concentrasse sobre a múmia. O interior era um verdadeiro labirinto que ia dar na câmara funerária, local onde estava a múmia do faraó e seus pertences."

 
Junto a essas três pirâmides está a esfinge mais conhecida do Egito, que representa o faraó Quéfren, mas a ação erosiva do vento e das areias do deserto deram-lhe, ao longo dos séculos, um aspecto enigmático e misterioso. Na verdade, a esfinge representa a força (corpo do leão) e a sabedoria (cabeça humana). Ela foi colocada na alameda de entrada do templo para afastar os maus espíritos.

 

Escultura:

 

No Egito, os escultores buscavam representar os faraós e os deuses, quase sempre em posições serenas, sem nenhuma emotividade. Com isso, pretendiam traduzir na pedra, uma ilusão de imortalidade. Exploravam com exagero as proporções do corpo humano, dando às figuras, uma impressão marcante de força e de majestade.

 
Os mitos religiosos também estão presentes na escultura, através dos Usciabtis, figuras funerárias em miniatura, de cores fortes, geralmente esmaltadas de azul e verde, escuros (com inscrições em baixo-relevo), destinadas a substituir o faraó morto nos trabalhos ingratos no além.

 
Uma característica importante é o fato de a Escultura estar agregada a Arquitetura como adornos decorativos que dão um encanto místico, todo especial às construções. Os baixos-relevos, quase sempre pintados, estavam presentes em colunas e paredes. Os próprios hieróglifos eram transcritos, em sua maioria, em baixo-relevo.

 

Pintura:

 

Assim como na arquitetura e escultura, os egípcios utilizavam a pintura como um poderoso elemento de complementação das atitudes religiosas. Sendo assim, ela tem o seu grande campo de ação nas decorações dos monumentos funerários. No interior das tumbas, grandes telas murais aparecem recobertas por relevos e pinturas onde se descrevem as ocupações e o ambiente vital do defunto e se representam cenas de caráter religioso. As figuras eram pintadas em uma perspectiva da aparência, isto é, posicionavam em perfil, mas braços e corpo eram de frente. Eles não representavam as partes do corpo humano com base na sua posição real, mas sim, levando em consideração a posição de onde melhor se observasse cada uma das partes, dando uma característica singular, surreal, que difere a pintura egípcia das demais.

 
Junto a estas decorações funerárias, deve-se recordar também  as de palácios  e casas, que adquirem especial importância no Império Novo, que foi uma das etapas históricas mais importantes e brilhantes desta cultura, onde a pintura atingiu seu apogeu. Nessa época encontramos uma aspiração à delicadeza, uma certa distensão, que faltavam anteriormente.  as figuras tornam-se mais estilizadas, os artistas procuram refletir o movimento e, ao mesmo tempo que se entregam à uma grande variedade  temática, tentam exibir com grande preciosismo o espetáculo da natureza. As representações de pássaros e peixes nos pântanos, jardins  e estanques alcançaram um grau de graça e de naturalismo próximos  aos da pintura cretense (Grécia).  Os pintores mostram-se mais afastados das convenções que regiam os baixo-relevos e começam tímidos ensaios de novas disposições espaciais, mudando um pouco suas técnicas de execução.

 

Escrita:

 

Podemos dizer que, a própria pintura egípcia era uma forma de escrita, pois sua escrita era por meio de desenhos, e não por letras como nós.

 
Desenvolveram três formas distintas de escrita: Os hieróglifos, que eram escritas sagradas, usadas mais precisamente em rituais religiosos. Hierática, uma escrita mais simplificada, utilizada pela nobreza e pelos sacerdotes. Por fim, a escrita Demótica, que era a escrita popular.

 
Um dos maiores marcos da escrita egípcia foi o Livro dos Mortos, que era um rolo de papiro com rituais funerários, sempre postos no sarcófago do faraó morto. Seu conteúdo centrava em ilustrações de cenas muito vivas.

Imagens:

Vejamos agora algumas das mais significativas imagens que caracterizam a Arte Egípcia:


http://www.historiadaarte.com.br/imagens/piramide.jpg

http://www.historiadaarte.com.br/imagens/templonubia.jpg

http://www.historiadaarte.com.br/imagens/mastaba.jpg

http://www.historiadaarte.com.br/imagens/baixorelevo.jpg

A

http://www.historiadaarte.com.br/imagens/livrodosmortos.jpg

Referencias Bibliográficas:

MARTINS, Simone R.; IMBROISI, Margaret H. Maneirismo. Disponível em: http://www.historiadaarte.com.br/arteegipcia.html, s.d. Acesso em 05 de maio de 2006.

"Egito, Arte e arquitetura do", Enciclopédia® Microsoft® Encarta 99. © 1993-1998 Microsoft Corporation. Todos os direitos reservados. http://www.paralerepensar.com.br/arte_egipcia.htm, s.d. Acesso em 05 de maio de 2006.

http://www.museu.gulbenkian.pt/serv_edu/navegar_no_antigo_egipto/egipto.html

Fabrizio Fernandes

Fabrizio Fernandes

Graduado pela Universidade Católica de Goiás no curso de Letras - Português/Inglês e no CEFET no curso de Turismo
Presidente do Conselho Municipal de Cultura e Turismo Vice Presidente do IHGI - Instituto Histórico Geografico de Inhumas

COMENTÁRIOS

Comentar usando as redes sociais

Caixa de comentários TUDOIN


Resposta ao Comentário (Cancelar)

Lista de Comentários

Yasmiim
05/03/2014 10:40

Idade antiga

uyftfrxsteutgihoihuobh g tfrtawzewsxcdefvgbhnjmk,o.p;´´´´´´´´´´[´plokjhgfdsaasdfghjkjhgfdsdcvbnmnbwertyuiop

carol
01/06/2013 14:45

adorei

eu gostei muito do quer foi dito aqui muito bom 

beatriz
21/02/2013 10:56

beatriz100%linda

hgdfrdgcbvfrf

Android developers
15/01/2012 21:36

Android developers

A actual acceptable and informative article absolutely . It helps me a lot to enhance my knowledge, I absolutely like the way the presented his views , a lot of thanks for all your admired assignment on this article.android developers
POLTY
03/11/2011 03:19

POLTY 100%

ADOREI O SITE... GOSTEI DAS INFORMACÕES QUE OBTIVE DELE,E ESPERO QUE CONTINUEM ASSIM...POSTEM MAIS IMAGENS PARA CHAMAR MAIS Á ATENÇÃO DAS PESSOAS QUE VISITAM ESSE SITE...
Ford
08/08/2011 07:39

05

Estou feliz por encontrar o seu caminho distinto de escrever o post. Agora você se torna mais fácil para mim entender e implementar o conceito. Obrigado pelo post.custom school essay
AlnBlaze, a saga
07/06/2010 11:55

continua

O sabrina!? Sabrina? Ta tucino?? Toce veia! Toce!
caique
03/03/2010 12:14

ficou otimo ronaldo

parabens ficou exelente
JÉFERSON SILVA
23/11/2009 13:31

JÉFFERSON

QUERO PARABENIZAR O PROFESSOR FABRIZIO FERNANDES PELO SEU EXCELENTE TRABALHO.GOSTEI MUITO!!!! INSTRUTOR JÉFERSON.
Andressa
25/06/2009 11:50

Obrigado!

Olá pessoal,vocês ajudaram muito no meu trabalho de artes achei muito legal essa arte antiga...bjusss...
OOOBBBRRRIIIGGGAAADDDOOO....
BRUNO
10/06/2009 10:20

CHINELO

Cade o chinelo?
AlnBlaze
10/06/2009 10:19

RONALDO

Ronaldo, e brilha muito no corinthias!!!
marcela
16/07/2008 08:53

interessante

Eu achei muito interessante esta pagina sou arquiologa e já foi ao egito,turquia e na arabia,parabens sou professora de arquiologia e achei muito interessante,otimo está pagina bjs
carine
04/06/2008 08:09

arte egipcia

vou falar um puoco sobre a pintura... Podemos dizer que, a própria pintura egípcia era uma forma de escrita, pois sua escrita era por meio de desenhos, e não por letras como nós. Desenvolveram três formas distintas de escrita: Os hieróglifos, que eram escritas sagradas, usadas mais precisamente em rituais religiosos. Hierática, uma escrita mais simplificada, utilizada pela nobreza e pelos sacerdotes. Por fim, a escrita Demótica, que era a escrita popular.
itiel Aúky
28/05/2008 11:37

belesa

eu gostei muinto das imagesn na tela da notbuk muinto bom i meu parseiro de clase tabem gostou muinto das imagens da tela do notbuk sempre vou ver esas imagens Itiel Aúky ,Carlos Matheus
THIAGO GOMES
28/05/2008 11:27

FGFVYMGFXHBNGHBMGBJ CFGB

HJNKHJFCGHNB BKTUNNLJ
itiel Aúky
28/05/2008 11:19

genial

eu não gosto disso iso não presta
itiel Aúky
28/05/2008 11:15

ola

iso e uma merda
GLAUSSIA
25/04/2008 10:40

GOSTEI...

SUA FONTE DE PESQUISA FOI DE GRANDE VALIA PARA COMPLEMENTAR MINHAS AULAS , É SEMPRE MUITO BOM APRENDER MAIS UM POUCO DO QUE A GENTE ACHA QUE SABE...KKK..ABRAÇOS.... GLAUSSIA MARIA F. SILVA
Barbara louize bastian
13/03/2008 10:57

é mtoo massa??

esse site.. é muitoo legall... parabens... sou de entre rios do oeste..(PR) e adoro.... beijuu
Barbara louize bastian
13/03/2008 10:46

muitooo legal..

oiii... precisoo que vc me ajudem a ter um conteudo mais explicadoo... por favor?muito obrigada..
mariana
05/03/2008 08:34

a escrita do egito

oi por favor necessito muito de ter o tema mais especificado sobre a escrita do egito gostaria que me ajudassem por favor! fico grata...
BARBARA AYRES VIEIRA COSTA
05/11/2007 21:59

EGITO BLZ

ACHO POR SER UMA PESQUISA EXTERNA FICOU OTIMA.PARABENS!
alfredino da siva e santo
21/10/2007 16:33

mto bom

gostei mto
ianny
05/09/2007 08:18

quem nao gosta de escultura?

eu acho que a maioria da populacao do mundo gostam de cultura e escultura. eu adoro visitar esse site e você? sou ianny e moro em hidrolandia(ceara)e estudo na escola e.e.f.m priscila maciel de frança.
ianny
05/09/2007 08:11

adoro cultura.

eu adoro cultura e escultura, pois e uma forma das pessoas se espressar. se estar feliz, triste,etc. adoro ve aquelas esculturas do tempo antigo eu acho muito bonitas. ok sou ianny rodrigues da silva tenho 14 anos e moro em hidrolandia( ceara) 0
felipe
08/08/2007 11:00

egipto

eu adoro o egito e esse site eu acho tudo q eu preciso do egipto aqui PARABENS
charles novaes
05/07/2007 08:56

queria fica mas por dentro desse assunto

Queria saber mas sobre esse assunto, se aprofundar mas .Por que eu adora historia principalmente do egito...tem cumo..
Gleyson da silva
12/06/2007 11:22

Muito Obrigado

Muito obrigado por esse texto q esta exposto nesse site ele ajudou muito
Welington Luiz Araujo Gonzaga
28/05/2007 03:47

Gostaria de mais informações

Gostaria de dizer que seu serviço é maravilhoso e que talvez vc possa me ajudar. Sou Tecnico em Edificações e procuro inspiração na arquitetura egipicia. Gostaria de saber se pode me ajudar me enviando algum material que tenha disponivel Desde ja agradeço Welington L. A. Gonzaga
SARAH
20/05/2007 21:07

COMPREENÇÃO

OLÁ EU QUERIA DIZER QUE VOCES SÃO INCOMPRIENCIVEIS EU PEÇO UMA COSA E VOCES ME MANDO OUTRA PRESTEM MAIS ATENÇÃO
Anastacio
08/01/2007 19:54

poesia na idade antiga

gostaria de saber do professor Fabrízio sobre a poesia na idade antgia, especificamentye em Roma...obrigado
danielle
17/11/2006 22:44

adorei o trabalho que fez

gosto muito de estudar egipcio é super fasinante. adoro e adorei o site muito legal supinpa. minha professora adprou meu trabalho grasas a esse site brigaoo continue colocando coisas legais e inportates. bjs bonito site e belas enformasois e imagens. belas imagens.!
*
21/09/2006 16:19

*

Tenho 13 anos e adoro o egípto!Faço tudo para conhecer mais um bocadinho sobre ele! Belo site
Elvimar Vieira Rezende
25/08/2006 14:05

professora de artes-EJA

Seus documentários me foram muito útil para fonte de pesquisas para meus alunos que aumentaram ainda mais seus conhecimentos.
Henry Fernando Dyna Cedano Lopes
22/08/2006 09:28

documentário interessante

Sou amante da arte egípcia, gostei muito de seu documentário a respeito da arte egípcia, se puder enviar por email todas as imagens egípcias que tiver em seus arquivos, ficarei grato eternamente. Preciso de materiais para o término de minha biblioteca particular que será toda decorada no estilo egípcio. Desde já, agradeço sua atenção e colaboração. abraços, Henry Fernando
JP
30/07/2006 02:18

capacidade

o professor fabrízio nos brinda mais uma vez com um texto enxuto e esclarecedor sobre a condução do sublime, a arte, ao longo dos séculos. Sua posição é solida e ausente de diletantismo, um exemplo de como conduzir a produção intelectual.
Fabrizio
26/07/2006 16:01

Esclarecimento

Gostaria de salutar que, por ser um assunto extenso, A História da Arte na Idade Antiga será apresentada em varios textos, no intuito de nao deixar a leitura cansativa e prolongada... Semanalmente veremos textos que elucidam os principais aspectos artísticos nas civilizações que compõem o período em questão. Agradeço a compreensão de todos.
PearliePloss
17/04/2012 02:12

Egito

 



Egito - um dos países mais bonitos e cênica. Eu descansei há muitos anos atrás, e eu quero voltar

Egito - um dos países mais bonitos e cênica. Eu descansei há muitos anos atrás, e eu quero voltar. Escrevi muitos de seus essays.