Publicado em 07/05/2010 09:47

MÃE

A mais rara joia!

Mulher que ostenta no peito

A medalha do amor!

Mulher que sofre,

Se aborrece,

Sorri e desabrocha como flor!


Mãe... Mulher...

Palavras diferentes

Que se tornam dependentes.

Pra ser Mãe tem que ser mulher

E pra ser mulher é bom que seja Mãe!

Mãe que rega com os seios os lábios da criança,

Seus atos e palavras são do mais puro amor.

Heroína da pequena vida em esperança,

Conduzindo nos braços o seu filho,

Seja de que idade for!


Mãe que não dorme, adoecendo-se com o filho,

Verdadeira sentinela de fé intocável!

Seu filho será sempre um bebê,

Porque o seu amor é maior que o crescimento,

Seu amor é inigualável!


Sim, você é Mãe!

Se não sabe,

Seu filho chora com a sua dor.

Porque Mãe não é um brinquedo,

Não se encontra em grandes lojas,

Não se aluga,

Não se empresta,

Enfim, não se comercializa.

Mãe é íntimo e pessoal,

É como o sorriso,

Nenhum outro é igual.


Mãe que está num leito hospitalar...

Mãe que, sem memória, vaga pelo mundo...

Mãe embriagada e caída na sarjeta...

Mãe que flutua na ficção assassínia das drogas...

Mãe que se estermina na fantasia da prostituição...

Mãe que trilha os caminhos do Senhor...

Independentemente de seus atos e procedências,

É Mãe!


Imortal aos olhos de todo o mundo,

Pois nem mesmo o impacto da morte

Consegue apagar sua imagem

Do coração do seu filho!

Ivan Zarur

Ivan Zarur

Inspirado pelas suas professoras, aventurou-se no mundo da Literatura aos sete anos de idade. Seus primeiros trabalhos publicados foram em forma de cordel: "O Velho Ricardino" e "Não conseguiu e para o Céu subiu". Com "Mundo e Mudanças" venceu o Festival dos Campeões de Itaberaí-Go.
Publicou vários trabalhos na revista Diadema Real, da Editora Cristã Evangélica do Brasil, entre eles, "Transformação", "Coisas da vida", "Mãe" e "Pastor Amado". Minha BIOGRAFIA completa, bem como outras de minhas obras estão disponíveis no meu site: www.zarur.no.comunidades.net

COMENTÁRIOS

Comentar usando as redes sociais

Caixa de comentários TUDOIN


Resposta ao Comentário (Cancelar)

Lista de Comentários

Lotfi
18/06/2014 21:23

katia disse:A reenca

katia disse:A reencarnae7e3o rsnereepta e Bondade e a Paciencia de Deus em relae7e3o a nf3s. O que seria daquele que matou sem que ninguem nunca viesse a descobrir esse crime. Ele pagaria no inferno?Deus nos de1 outra oportunidade p resgatar o crime cometido.Na medida em que evoluimo, e deixamos de errar, cessa a necessidade de renascer. Ente3o se queremos conseguir a perfeie7e3o/iluminae7e3o, devemos seguir o evangelho: Amar a Deus sobre todas as coisas e ao proximo como Ele nos ama.A reencarnae7e3o ne3o serve p errarmos agora e pagarmos depois, e sim sabendo que a mesma existe e que deveremos voltar possamos ao menos voltar em situae7e3o espiritual um pouco melhor.