Publicado em 24/11/2010 07:42

Renovação Partidária

Sempre que ocorrem insucessos nas urnas, os partidos políticos falam em renovação ou reforma partidária.

Sempre que ocorrem insucessos nas urnas, os partidos políticos falam em renovação e/ou reforma partidária. É uma reação natural dentro da sigla, quando alguns filiados, querem atribuir culpa a outros. Ou pela geração, ou pela ideologia ou por oportunidades perdidas na escala das candidaturas ou em razão de eventuais cargos.

Quando se perde uma eleição, as ilusões também ficam perdidas. Aí sim: tem que expulsar os infiéis, cobrar de quem não foi para rua pedir votos, quem não contribuiu financeiramente, quem tem parentes adeptos de outros partidos, e por aí vai! Nessa ressaca de eleições, é o que se escuta.

A meu ver, a sociedade, no seu todo está bem alheia a essas questões domésticas das legendas. O que ela está sincronizada é com aquilo que lhe atinja positiva ou negativamente. Onde está esse vetor? Essa criação de projetos e providências político-administrativas está ligada aos programas de governo, que por sua vez estão conectados aos planos plurianuais, às leis de diretrizes orçamentárias e aos orçamentos. Nesse contexto, a criatividade e transparência na arrecadação e nos gastos públicos. O que acontece, normalmente, é que, ao se ganhar uma eleição, mormente para o executivo, dá-se a idéia que se encontrou remédio para todos os males, sem saber que os males precisam ser diagnosticados com muito cuidado para não se transformar em panacéia.

Os que ganham as eleições, muitos deles têm essa acuidade. Tratam a responsabilidade pública com o devido respeito. Outros levam para o lado das controvérsias individuais ou embarcam nas asas da vaidade ou da ambição.

Volto às expectativas da sociedade: que aconteça o desenvolvimento com investimentos principalmente nas áreas sociais, (saúde, educação, esporte, lazer, cultura, assistência às classes mais inferiores),e infra-estrutura, por meio de um planejamento altamente qualificado.

Pois bem, por onde os partidos devem ter essa prática? Claro, em suas fundações ou institutos. Eles foram criados, por lei, com essa finalidade. Entretanto, não operam, não realizam seminários, simpósios, debates e conferências. Eles, (fundações e Institutos), ficam inertes durante todo o ano sem que nada promovam. Ora, se eles existem, existem também as finalidades que constam em seus estatutos. Elas são no sentido de democratizar as idéias; colocar em comunhão os interesses coletivos e por antecipação, os benefícios que a população almeja.

Síntese: os partidos e partidários se perdem em busca do poder e não têm uma linha lógica do que fazer com ele.

Tanto a ação política quanto a ação partidária requerem estudos. Não somente estar próximo de quem lidera e que pode ter sucesso em uma eleição. É preciso oferecer conhecimento, capacidade, competência. Fora disso é dispersão. Perca de tempo. O meu partido, PMDB está nesta. Perdemos. E agora? A Fundação Ulisses Guimarães em nada se manifesta. É hora de ouvir um notório cientista político, autoridades da Federação Nacional dos municípios, técnicos da Fundação Getúlio Vargas, do Instituto Brasileiro de Administração, técnicos da Secretaria do Tesouro Nacional, da Escola Superior de Administração Pública, etc. Não faltam competências no Brasil para mostrar novos caminhos por meio do conhecimento.

Então, quando se fala em renovar, e hoje é o nosso caso, não é estabelecer uma linha divisória entre os mais idosos e os mais novos na idade, mas sim quem recicla, quem estuda e que renova os ideais. O conhecimento é para todas as idades.

Irondes José de Morais

Irondes de Morais

Irondes de Morais

Graduação: Direito pela UFG Pós-Graduação - Especialização em: Direito Agrário pela UFG Política e Estratégia pela UCG/ADESG Direito Tributário - convênio UCG/IGDT
Reforma Tributária: Uma medida Urgente e Necessária;Conteúdo Jurídico do Princípio da igualdade;Elisão Tributária;Ação Civil Pública em Matéria Tributária;Efeito Social da Terra

COMENTÁRIOS

Comentar usando as redes sociais

Caixa de comentários TUDOIN


Resposta ao Comentário (Cancelar)