Publicado em 29/08/2018 12:05

TRE mantém condenação de Caiado por propaganda eleitoral antecipada

Ronaldo Caiado (DEM) foi condenado, nesta terça-feira (28/8), pelo Tribunal Regional Eleitoral de Goiás por propaganda eleitoral antecipada.

Ronaldo Caiado, candidato ao governo de Goiás pelo Democratas, foi condenado nesta terça-feira (28/8) pelo Tribunal Regional Eleitoral de Goiás por propaganda eleitoral antecipada, em ação proposta pelo Ministério Público Eleitoral (MPE). Esta é a primeira condenação do Pleno do TRE-GO nas eleições de 2018, após negação de recurso à decisão do juiz Vicente Lopes da Rocha Júnior.

Entre os dias 6 e 8 de abril, durante evento no município de Morrinhos, o governadoriável fez discurso com pedido expresso de voto para Wilder Morais, senador e pré-candidato à reeleição.

“Nós temos aqui aquele que é meu companheiro de chapa, que é Wilder Morais, senador da República, e peço aqui aplausos e o voto para que nós possamos reconduzi-lo ao Senado”, disse Caiado na ocasião.

Wilder também foi alvo da denúncia, mas acabou sendo absolvido por não ter ficado demonstrado seu consentimento ou conhecimento prévio

COMENTÁRIOS

Comentar usando as redes sociais

Caixa de comentários TUDOIN


Resposta ao Comentário (Cancelar)