Publicado em 13/07/2007 10:27

Eventos Sebrae Inhumas

Segue a relação dos eventos a ser realizados pelo SEBRAE de Inhumas. Confira e participe!

AGENDA DE EVENTOS DO SEBRAE EM INHUMAS - 2007

 

TREINAMENTOS

 

  • Desenvolvimento de Equipes – 3,4 e 5/08/2007(sexta à noite, sábado e domingo pela manhã).
  • Como Falar em Público – 10 à 12/08/2007(sexta à noite, sábado e domingo pela manhã).
  • Próprio – 17 à 20/09/2007
  • Seminário – Empretec – 20 à 28/10/2007
  • Contabilidade na Prática - 23 à 25/11/2007(sexta à noite, sábado e domingo pela manhã).

 

PALESTRAS

 

  • Motivando para Vencer – 22/08/2007
  • Empreendedorísmo – 26/09/2007
  • Lucratividade - Crescer, sobreviver ou morrer! – 03/10/2007
  • Administração Competitiva – 07/11/2007

 

CONSULTORIA COLETIVA

 

  • Sua empresa está dando lucro? – 06 à 09/08/2007

COMENTÁRIOS

Comentar usando as redes sociais

Caixa de comentários TUDOIN


Resposta ao Comentário (Cancelar)

Lista de Comentários

black
22/01/2007 14:53

Agora só falta marketing

Concordo em genero, grau e numero com o cara ai de cima....... porisso que eu so abasteço meu carro em Goianira, onde a gasolina varia de preço e chega a custar R$ 0,24 em media a menos que aqui em Inhumas........... QUE CARTEL É ESSE?????????????????????
inhumense de coraçao
22/01/2007 14:34

Agora só falta marketing

Gostaria muito de comentar, algo que vcs pudessem publicar, mas parecem que os editores so gostam de meter o pau nos adversarios politicos, esqueçamos isto, pois, eu ja comentei duas vezes sobre o assunto - titulo acima Só falta fazer marketing o comentario do dia 19/01/07 nº. 87587 as 15:02 hs fala o tal marketing com GASOLINA a R$ 2,599, so fosse pra falar de politica tenho certeza que pensariam no assunto. Cade a liberdade de imprensa, e vcs sabem que se publicarem isto mexerão em cx de morimbondo .Segue abaixo o que foi falado. Realmente o prof. Beto tem razao, sobre a situaçao politica e geografica de Inhumas no cenario estadual, temos tudo pra crescermos e ser uma cidade em destaque, somos a 20ª cidade do estado em populaçao, mas falta mao-de-obra especializada, mas este cenario pode mudar em pouco tempo com as instituiçoes de ensino tecnico e superior em instalaçao e instalada na cidade. Temos vias de transporte em boas condiçoes. Mas que adianta toda infra-estrutura se vamos fazer marketing de uma GASOLINA media na cidade de R$ 2,599 em quase todos os posto da cidade, que cartel é este?? Sabia que isto influencia outros investidores, toda empresa tem frota de veiculos, isto é um custo negativo para o nosso tao chamado Marketing, pense nisto senhores do poder de nossa cidade. Eu até sou capaz de apostar e sair para qualquer lado partindo de Inhumas e rodar 100 km e ver se acha GASOLINA mais cara do que em Inhumas, um povoado chamado Carlandia a 150 km daqui situaado as margens da BR 060 sentido Rio Verde custa R$ custa 2,48, Uruaçu a 300 km daqui custa R$ 2,60 é mole!
Fabrizio
20/01/2007 09:11

importante

um assunto tao importante quanto este e quase ninguem vem comentar....
Wemerson Charlles da Fonseca Fraga
08/01/2007 22:54

"Agora só falta Markenting"?

Realmente, deve afirmar que o artigo do professor Beto Silva, mostra-se verdadeiro e visionário. Inhumas é uma cidade, que, não tem tudo, mas tem vários fatores que a levariam certamente ao crescimento e ao desenvolvimento que seu povo tanto quer e precisa. Terei que discordar apenas do título atribuído ao excelente artigo. "Agora só falta Marteking". Bem, se os nossos representantes no governo, que somam, nesse biênio 2007/2008, uma força política representativa, como foi citado no texto deixarem de se preocupar com seus egoístas interesses de expansão aí sim, quando isso tornar-se realidade, poderemos afirmar "Agora só falta Marketing". Parabéns pelo artigo!
Welington Rodrigues dos Santos
08/01/2007 09:29

artigo: Por um novo planejamento

https://www.tudoin.com.br/portal/view_article.asp?id=234
Welington Rodrigues dos Santos
08/01/2007 09:27

Matéria

Parabéns Prof. Beto pelo artigo. Vou concordar aqui com o Fabrizio, até porque essa matéria sobre as dificuldades encontradas pela nossa competitividade já foi tratada em artigo de minha autoria na parte política deste site. O fato é que o assunto atração de novas médias empresas para Inhumas não é, nunca foi, e provavelmente não será prioridade das forças políticas que dominam o município, por razões que somente eles entendem. Quando seu artigo fala sobre dados sócioeconômicos, escreví um livro sobre os últimos 10 anos de Inhumas do ponto de vista da análise dos dados sobre empregabilidade, renda, crescimento, desenvolvimento, atividade empresarial, setor público, e vários comparativos com outros municípios da Região Metropolitana de Goiânia. Lançamento em breve!
Fabrizio
06/01/2007 17:20

"sweet dreams"

Qual inhumense nao sonha com a cidade repleta de industrias que suprisse a necessidade de empregos? e que alavancasse um crescimento economico-social sem precedentes na regiao, que outrora recebera de braços abertos imigrantes libaneses, japoneses, espanhós e tanto outros que sairam rumo a tao próspera Goiabeiras/Inhumas. Como é frustante saber que ja estivemos entre as CINCO principais cidades do estado!!! Mas como seria bom se transformassemos estes doces sonhos em pomposa realidade....
Fabrizio
06/01/2007 17:06

e agora josé?

em 99,00 tivemos PREFEITO, DEPUTADO, GOVERNADOR, SENADOR E PRESIDENTE, tudo da mesma laia e a cidade continuou na mesma.... Nao veio industria alguma, nao veio desenvolvimento algum e ainda por cima, abandonaram a obra do CEFET. A cidade estava aos buracos, caminhão de lixo nao era todos os dias, e pior, passava em horários impróprios em alguns bairros da cidade. Agora, novamente temos um deputado federal (o mesmo por sinal), um deputado estadual, um prefeito e um governador de uma mesma coligação partidária. O que pode mais uma vez, nao significar absolutamente NADA. Pois sabemos que em proporções economico-geograficas, GOIÁS é o maior devedor do país, divida esta, que teve aumentos significativos de oito anos pra ca, tomando rumos incontroláveis. Pq Cidinho afirma nao fazer oposição ferrenha ao Gov. Lula? Simples, pois o pirex ja esta em punho rumo a esmola patris - Brasilia. Mas onde entra Inhumas neste contexto? A nossa tao querida cidade que ja teve belas paisagens, natureza perene, atropelada por bois, lavouras e mais lavouras de cana de açúcar! Poderiamos competir com os grandes polos inter-estaduais? Anapolis, Rio Verde, Jataí, Catalão, Itumbiara, Jaragua, Senador Canedo, dentre quase TRINTA cidades!?!?!?!?! NAO - Inhumas nao tem força para competir com estas cidades que estão anos luz a nossa frente. Por mais que encontremos um segmento mercadológico diferenciado dos praticados por estas cidades supra citadas, conseguir implantá-lo aqui, seria enfrentar uma batalha longa e desgastante. Pois do mesmo modo que aparentemente possa existir uma FORÇA POLITICA ESTRUTURAL EMANCIPADA PÓS PLEITO ELEITORAL, iriamos bater de frente com outras forças politicas (e do mesmo partido) que nao aceitariam perder mercado pra uma cidade INFINITAMENTE INFERIOR. Isso ja foi vivido por nós mesmos em periodos pmdbistas. Ja tivemos: presidente da camara mul., prefeito, deputado est., dep. federal, governador, senadores e presidente tudo do mesmo partido. Mesmo assim inhumas nao teve forças pra competir com as outras potencias do estado, perdendo grandes oportunidades. Ao longo de quase oito decadas de existencia, Inhumas nao soube aproveitar sua proximidade a goiania - como o fez Aparecida, Senador Canedo, Trindade, etc. Digamos se com o trabalho dos quatro pilares do marketing conseguissemos angariar industrias pra ca. De imediato, deveriamos saber como lidar com dois problemas instantâneos: 1) FALTA DE MAO DE OBRA ESPECIALIZADA - 2) PRESERVAÇÃO AMBIENTAL - este ultimo que foi sempre um gigantesco ponto negativo nas investidas industriais de nosso municipio. Tudo devido a localizaçao e a importancia do rio meia ponte perante o MATO GROSSO GOIANO. Sendo vital, o fato de sê-lo INTOCAVEL. Dai, discarta-se industrias tipicamente poluentes, como a de generos alimenticios que impactuam diretamente ao meio ambiente. Mas por um outro lado, um ponto positivo (como ja citado no texto do autor), nossa posiçao estratégica seria interessante (embora a nao Duplicação total da GO-070). A grande máxima é a seguinte: COMO CONVENCERMOS INVESTIDORES A ABIREM MAO DE POLOS INDUSTRIAIS JA CONSOLIDADOS E INVESTIR NUMA CIDADE ONDE A QUASE OITENTA ANOS SE VIVE APENAS DE: MILHO, ALHO, SOJA, CANA DE AÇUCAR E BOI A PERDER DE VISTA?